O que saiu em Migalhas sobre Luiz Otavio Duarte Camacho
Migalhas

O que saiu em Migalhas sobre Luiz Otavio Duarte Camacho

/quentes
quinta-feira, 20/10/2011

Justiça nega indenização a professor da Uniban contra Abril em reportagem sobre Geyse Arruda

A 4ª Vara Cível do Foro Regional de Pinheiros julgou extinta sem julgamento do mérito ação de indenização proposta por um professor da Uniban contra a Editora Abril e o jornalista Augusto Nunes. O autor da ação alegava que a publicação de u...

...Editora Abril S.A. e outro Juiz(a) de Direito: Dr(a). Luiz Otavio Duarte Camacho Vistos. R.N.A., qualificado nos autos, propôs Ação Indenizatória contra EDITORA ABRIL S/A e AUGUSTO NUNES, alegando em síntese, que a...
Justiça nega indenização a professor da Uniban contra Abril em reportagem sobre Geyse Arruda
/amanhecidas
segunda-feira, 27/9/2010

MIGALHAS nº 2.479

Segunda-feira, 27 de setembro de 2010 - Migalhas nº 2.479 - Fechamento às 11h11.   "A natureza previu a vestidura humana, condição necessária ao desenvolvimento da nossa espécie. A nudez habitual, dada a multiplicação das obras e do...

...contra sua honra. Para o juiz Luiz Otávio Duarte Camacho, o pedido não continha "o fato que constituiria o direito que afirma ter". De acordo com a sentença, a Constituição liga o direito de resposta à presença de uma...
MIGALHAS nº 2.479
/quentes
quarta-feira, 21/7/2010

TJ/SP não concede indenização para jogador de futebol por publicação de figurinha

A Justiça paulista negou pedido de indenização do ex-jogador de futebol Sandro de Souza Vasconcelos contra a Editora Abril em razão da publicação do álbum "Figurinhas da Copa União 88". Segundo Sandro, que na época jogava no Esporte Clube B...

...Vasconcelos Requerido: Editora Abril S/A Juiz(a) de Direito: Dr(a). Luiz Otavio Duarte Camacho Vistos. Sandro de Souza Vasconcelos ajuizou a presente ação ordinária de indenização contra Editora Abril S/A alegando, em...
TJ/SP não concede indenização para jogador de futebol por publicação de figurinha
/amanhecidas
quarta-feira, 21/7/2010

MIGALHAS nº 2.433

Quarta-feira, 21 de julho de 2010 - Migalhas nº 2.433 - Fechamento às 11h11.   "Em quase todos os crimes a responsabilidade do mal não se limita unicamente ao indivíduo que o comete, toca também em alguma parte à sociedade a que o i...

...80 mil reais. Para o juiz Luiz Otavio Duarte Camacho, da 4ª vara Cível de Pinheiros, o tempo transcorrido entre a publicação do álbum (1988) e o ajuizamento da ação (2009) é uma das provas de que o jogador estava de...
MIGALHAS nº 2.433
/quentes
quarta-feira, 7/7/2010

Justiça de São Paulo nega indenização por danos morais ao deputado Federal Paulinho da Força

O TJ/SP negou o pedido feito pelo deputado Federal Paulinho da Força de indenização por danos morais contra a editora Abril. O parlamentar pediu um valor de 20 mil reais em razão do título da Veja de 21 de maio de 2008: "O lado negro da For...

...Silva Requerido: Editora Abril S/A Juiz(a) de Direito: Dr(a). Luiz Otavio Duarte Camacho PAULO PEREIRA DA SILVA move a presente ação de indenização por danos morais contra EDITORA ABRIL S/A, alegando, em síntese, que a...
Justiça de São Paulo nega indenização por danos morais ao deputado Federal Paulinho da Força
/quentes
sexta-feira, 19/12/2008

Julgada improcedente ação de indenização por danos morais movida pelo promotor José Carlos Blat contra a Editora Abril

O juiz de Direito Luiz Otávio Duarte Camacho julgou improcedente ação de indenização por danos morais movida pelo promotor José Carlos Guillem Blat contra a Editora Abril. Blat alegava ter sido ofendido pela revista Veja, em 2006, com a pub...

O juiz de Direito Luiz Otávio Duarte Camacho julgou improcedente ação de indenização por danos morais movida pelo promotor José Carlos Guillem Blat contra a Editora Abril. Blat alegava ter sido ofendido pela revista Veja, em 2006, com a pub...
Julgada improcedente ação de indenização por danos morais movida pelo promotor José Carlos Blat contra a Editora Abril
/quentes
sexta-feira, 12/9/2008

Roberto Teixeira X Diogo Mainardi

O juiz Luiz Otávio Duarte Camacho julgou improcedente ação indenizatória promovida por Roberto Teixeira contra a Editora Abril (Revista Veja) e Diogo Mainardi pela publicação da coluna "Sem Vergonha do Compadre" em 11/4/2007.

Improcedente Roberto Teixeira X Diogo Mainardi O juiz Luiz Otávio Duarte Camacho julgou improcedente ação indenizatória promovida por Roberto Teixeira contra a Editora Abril (Revista Veja) e Diogo Mainardi pela publicação da colun...
Roberto Teixeira X Diogo Mainardi
/amanhecidas
sexta-feira, 12/9/2008

MIGALHAS nº 1.982

Sexta-feira, 12 de setembro de 2008 - Migalhas nº 1.982 - Fechamento às 10h35. Registro Migalhas anuncia que, a partir de hoje, conta com mais um Apoiador : Castelo Branco Advogados Associados (Clique aqui) __________...

MIGALHAS nº 1.982
MIGALHAS nº 1.982
Não há mais resultados para serem exibidos.