O que saiu em Migalhas sobre Luiz Roldao De Freitas Gomes

O que saiu em Migalhas sobre Luiz Roldao De Freitas Gomes

/depeso
segunda-feira, 6/8/2018

Das coisas óbvias que ainda precisam ser ditas: artigo 778, §2º do novo CPC e a desnecessidade de consentimento do executado na sucessão processual pelo cessionário do crédito

Do cenário temos que, data máxima vênia, nem sempre iuria novit curia.

...Revista e atualizada por Luiz Roldão de Freitas Gomes. Colaboradores: Júlia Sá Carvalho da Silva e José Luiz Nogueira. Rio de Janeiro 2003, p. 186-188. 2 WATANABE, K. Da cognição no processo civil. 2.ª edição atualizada....
/quentes
segunda-feira, 11/5/2009

TJ/RJ - Médica terá que indenizar casal que perdeu a filha por causa da demora do parto

A 7ª Câmara Cível do TJ/RJ condenou uma médica a pagar indenização no valor de R$ 90 mil a um casal pela morte da filha na ocasião do parto devido à demora no diagnóstico sobre a necessidade da cesariana. Elisa Schreiber e Eduardo Antonio d...

A 7ª Câmara Cível do TJ/RJ condenou uma médica a pagar indenização no valor de R$ 90 mil a um casal pela morte da filha na ocasião do parto devido à demora no diagnóstico sobre a necessidade da cesariana. Elisa Schreiber e Eduardo Antonio d...
/depeso
sexta-feira, 17/10/2008

Aspectos polêmicos da execução para a entrega de coisa

Obedecendo a um critério de lógica jurídica, o Código de Processo Civil Brasileiro de 1973 dispôs para cada tipo de pretensão in executivis um correlato meio executório, apto a municiar o Poder Judiciário de instrumento bastante, em tese, p...

Obedecendo a um critério de lógica jurídica, o Código de Processo Civil Brasileiro de 1973 dispôs para cada tipo de pretensão in executivis um correlato meio executório, apto a municiar o Poder Judiciário de instrumento bastante, em tese, p...
/depeso
quarta-feira, 13/6/2007

Diferentes, mas iguais: o reconhecimento jurídico das relações homoafetivas no Brasil

Nas últimas décadas, culminando um processo de superação do preconceito e da discriminação, inúmeras pessoas passaram a viver a plenitude de sua orientação sexual e, como desdobramento, assumiram publicamente suas relações homoafetivas.

Diferentes, mas iguais: o reconhecimento juridico das relacoes homoafetivas no Brasil 1 Luis Roberto Barroso* I. Apresentacao do problema Nas ultimas decadas, culminando um processo de superacao do preconceito...
Não há mais resultados para serem exibidos.