O que saiu em Migalhas sobre Valentim Carrion
Migalhas

O que saiu em Migalhas sobre Valentim Carrion

/depeso
quinta-feira, 9/4/2020

Covid-19 – A Extinção Anomala do Contrato de Trabalho - Empregador pode arguir factum principis?

Não se pode atribuir ao empregador a culpa pelo encerramento, ainda que temporário, das atividades até então desenvolvidas pela empresa.

...S e saldo de salário). Valentim Carrion3, Maurício Godinho4 e Gabriel Saad5 (posição majoritária) defendem que a responsabilidade da autoridade que extinguiu a empresa esta limitada à indenização da multa de 40% sobre os depósitos de FGTS. Para alguns...
Covid-19 – A Extinção Anomala do Contrato de Trabalho - Empregador pode arguir factum principis?
/depeso
segunda-feira, 11/6/2012

O panorama do trabalho à distância

Priscila Freire da Silva Cezário e Wellington Roberto Ferreira

Os advogados analisam e esmiuçam os conceitos contemplados no artigo 6° da CLT.

...autora, a qual faz menção a Valentim Carrion, "é a incompatibilidade de fixação e controle da jornada que o afasta da tutela legal, e não o fato de desenvolver suas atividades fora do estabelecimento do...
O panorama do trabalho à distância
/quentes
sexta-feira, 29/4/2011

TRT da 15ª região isenta do pagamento de indenização por dano moral empresa que demitiu empregado sem justa

“É cediço que o desrespeito à pessoa física e à dignidade do trabalhador por parte do empregador dá ensejo à indenização por danos morais. No entanto, para o deferimento de tal verba, faz-se necessária a demonstração inequívoca da ofensa à ...

...ocorreu nos autos. O saudoso doutrinador Valentim Carrion em seus "Comentários à Consolidação das Leis do Trabalho", 28ª edição, Saraiva, 2003, pág. 355, aponta, com clareza, as hipóteses em que seria devida a...
TRT da 15ª região isenta do pagamento de indenização por dano moral empresa que demitiu empregado sem justa
/depeso
segunda-feira, 4/8/2008

Suspeição de testemunha que possua reclamação com pedidos idênticos aos da ação em que vai depor: análise da Súmula 357 do TST

Alex Rosetti e Carlos Eduardo de Souza

Como se sabe, a prova testemunhal é um dos mais antigos meios de prova e, certamente, aquele em que a versão dos fatos se apresenta de forma mais insegura e contraditória.

Como se sabe, a prova testemunhal é um dos mais antigos meios de prova e, certamente, aquele em que a versão dos fatos se apresenta de forma mais insegura e contraditória.
Suspeição de testemunha que possua reclamação com pedidos idênticos aos da ação em que vai depor: análise da Súmula 357 do TST
/quentes
terça-feira, 6/5/2008

Resultado de Sorteio de obra "Comentários à Consolidação das Leis do Trabalho"

Sorteio da obra Migalhas tem a honra de sortear a obra "Comentários à Consolidação das Leis do Trabalho" (1392 p.), escrita por Valentin Carrion e atualizada por Eduardo Carrion, gentilmente oferecida pela Editora...

Sorteio da obra Migalhas tem a honra de sortear a obra "Comentários à Consolidação das Leis do Trabalho" (1392 p.), escrita por Valentin Carrion e atualizada por Eduardo Carrion, gentilmente oferecida pela Editora...
Resultado de Sorteio de obra "Comentários à Consolidação das Leis do Trabalho"
/amanhecidas
segunda-feira, 5/5/2008

MIGALHAS nº 1.890

Segunda-feira, 5 de maio de 2008 - Migalhas nº 1.890 - Fechamento às 10h32. Princípios "Não tenho metas Ou objetivos a alcançar. Tenho princípios E na companhia deles Nem me pergunto Aonde vou chegar." Carlos Ayres Br...

MIGALHAS nº 1.890
MIGALHAS nº 1.890
/amanhecidas
quarta-feira, 30/4/2008

MIGALHAS nº 1.889

Quarta-feira, 30 de abril de 2008 - Migalhas nº 1.889 - Fechamento às 8h30.   "A extraordinária importância do papel, que o trabalho desempenha na vida do indivíduo, pode ser confirmada empiricamente mediante a observação dos comportam...

MIGALHAS nº 1.889
MIGALHAS nº 1.889
/depeso
segunda-feira, 16/5/2005

O trabalho no domicílio do empregado: controle da jornada e responsabilidade

Juliana Bracks Duarte

É cada vez mais freqüente a celebração de contratos de trabalho “home office”, tanto para executivos, como para empregados comuns, permanecendo as empresas empregadoras, entretanto, ainda com muitos questionamentos, especialmente referentes...

É cada vez mais freqüente a celebração de contratos de trabalho “home office”, tanto para executivos, como para empregados comuns, permanecendo as empresas empregadoras, entretanto, ainda com muitos questionamentos, especialmente referentes...
O trabalho no domicílio do empregado: controle da jornada e responsabilidade
Não há mais resultados para serem exibidos.