terça-feira, 1 de dezembro de 2020

MIGALHAS DE PESO

Publicidade

Concessão, Permissão e Autorização: Regime Jurídico Único?

A Constituição da República admitiu a delegação da prestação de serviços públicos e a exploração de bens públicos não apenas por meio concessão, mas também por permissão e autorização.

sábado, 16 de julho de 2016

I - APRESENTAÇÃO DO PROBLEMA

A Constituição da República admitiu a delegação da prestação de serviços públicos e a exploração de bens públicos1 não apenas por meio concessão, mas também por permissão e autorização, conforme veremos com mais detalhes nos tópicos abaixo.

Diante desse cenário, seria possível suscitar um regime jurídico geral dos institutos da concessão, da permissão e da autorização? Referidos institutos sempre terão as mesmas características no ordenamento jurídico brasileiro?

Para enfrentar essas questões, analisaremos o regime jurídico desses institutos sob a ótica da Constituição da República e da legislação infraconstitucional, que introduz normas gerais, e disciplina cada setor regulado2.

II - ANÁLISE CONSTITUCIONAL DOS INSTITUTOS DA CONCESSÃO, PERMISSÃO E AUTORIZAÇÃO

Como o constituinte abordou os institutos da concessão, da permissão e da autorização em diversas passagens do texto constitucional, é indispensável nos debruçarmos sobre a Constituição da República para mapear eventuais diretrizes do regime jurídico aplicável a esses institutos.

  • Leia aqui a íntegra do artigo

___________

1 Sobre o tema do serviço público na Constituição da República, destaca-se a obra da professora Dinorá Adelaide Musetti Grotti: O serviço público e a Constituição Brasileira de 1988. São Paulo: Malheiros, 2001.

2 Este artigo não se propõe à revisão bibliográfica. Nosso objetivo é construir o raciocínio com base no direito positivo, na Constituição da República, na legislação infraconstitucional e em regulamentos. Apenas recorreremos à doutrina de forma subsidiária, ou seja, nas situações em que o diálogo com determinados posicionamentos pode enriquecer nossa pesquisa; e nos casos em que optamos por sugerir, ao leitor, fonte para aprofundamento de determinado assunto.

___________

*Estevam Palazzi Sartal é mestrando em Direito Administrativo pela PUC/SP. Membro do grupo de pesquisa "Regulação Administrativa", coordenado pelo prof. Jacintho de Arruda Câmara. Colaborador da SBDP - Sociedade Brasileira de Direito Público. Advogado.

Atualizado em: 15/7/2016 11:07

AUTORES MIGALHAS

Busque pelo nome ou parte do nome do autor para encontrar publicações no Portal Migalhas.

Busca

AUTORES MIGALHAS VIP

Gisele Nascimento

Migalheira desde 2017

Carlos Barbosa

Migalheiro desde 2019

Maria Berenice Dias

Migalheira desde 2002

Vanessa Mollo

Migalheira desde 2019

Guilherme Alberge Reis

Migalheiro desde 2020

Carla Domenico

Migalheira desde 2011

Sérgio Roxo da Fonseca

Migalheiro desde 2004

Almir Pazzianotto Pinto

Migalheiro desde 2003

Márcio Aguiar

Migalheiro desde 2020

Roberto Rosas

Migalheiro desde 2015

Paulo Henrique Cremoneze

Migalheiro desde 2019

Publicidade