sábado, 24 de outubro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Toyota se compromete a realizar recall do Corolla

Representantes do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, DPDC, e do Procon/SP reuniram-se, no último dia 23, com executivos da montadora Toyota para discutir problemas relacionados ao modelo Corolla, que estão sendo investigados pelo Grupo de Estudos Permanentes de Acidentes de Consumo, GEPAC, composto por Ministério Público Federal de São Paulo, Ministério Público Estadual de São Paulo, Ministério Público do Distrito Federal, Associação Nacional do Ministério Público do Consumidor, MPCom, Fundação Procon/SP, Inmetro e Idec, além do próprio DPDC.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Recall

Toyota se compromete a realizar recall do Corolla

Representantes do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, DPDC, e do Procon/SP reuniram-se, no último dia 23, com executivos da montadora Toyota para discutir problemas relacionados ao modelo Corolla, que estão sendo investigados pelo Grupo de Estudos Permanentes de Acidentes de Consumo, GEPAC, composto por Ministério Público Federal de São Paulo, Ministério Público Estadual de São Paulo, Ministério Público do Distrito Federal, Associação Nacional do Ministério Público do Consumidor, MPCom, Fundação Procon/SP, Inmetro e Idec, além do próprio DPDC.

Durante a reunião, a Toyota reconheceu o risco oferecido pela falta de fixação do tapete ao assoalho e se comprometeu a adotar todos os procedimentos exigidos no Código de Defesa do Consumidor para a realização do recall, no caso específico da aceleração involuntária.

Além do compromisso de realizar o recall, a montadora informou que vai investir numa comunicação direta e explicativa ao consumidor sobre os riscos relacionados à fixação do tapete. A empresa se comprometeu ainda a divulgar comunicado nos rádios, TVs e jornais, além do próprio site da montadora. Será encaminhada ainda uma carta aos clientes que possuem veículos Toyota Corolla fabricados a partir de abril de 2008.

Outra medida que será adotada é a fixação de um adesivo, no pára-brisa do modelo Corolla, alertando para o risco em caso de deslocamento do tapete.

A montadora também vai orientar as concessionárias a fazer a substituição de tapetes não originais por genuínos e a não comercializarem mais tapetes não originais. Também se comprometeram a incluir tapetes genuínos entre os itens de série dos novos veículos.

Nos próximos dias será publicada no Diário Oficial a instauração de processo que vai verificar o cumprimento das normas de recall, sem prejuízo da averiguação existente em curso no DPDC e no Procon/SP.

____________

Leia mais

  • 23/04/2010 - Toyota não poderá vender o modelo Corolla em todo o território de MG - clique aqui.

_________________________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 26/4/2010 09:13