sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

TJ/RJ dá posse a 768 novos funcionários

O presidente do TJ/RJ, desembargador Luiz Zveiter, deu posse ontem, 30/9, a mais 768 candidatos aprovados nos XXXXIX e XL concursos públicos para os cargos de analista e técnico judiciários, que há dois anos aguardavam convocação para atuar no Poder Judiciário do Estado. O evento aconteceu no auditório Antonio Carlos Amorim, da Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (Emerj).

sábado, 2 de outubro de 2010


Posse

TJ/RJ dá posse a 768 novos funcionários

O presidente do TJ/RJ, desembargador Luiz Zveiter, deu posse ontem, 30/9, a mais 768 candidatos aprovados nos XXXXIX e XL concursos públicos para os cargos de analista e técnico judiciários, que há dois anos aguardavam convocação para atuar no Poder Judiciário do Estado. O evento aconteceu no auditório Antonio Carlos Amorim, da Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro - Emerj.

A solenidade foi realizada em duas etapas : às 12h45, foram empossados 400 novos servidores; e por volta das 16h, outros 368, com a presença dos juízes auxiliares da presidência Andrea Quintela, Fábio Porto e Murilo Kieling, e da diretora-geral de Gestão de Pessoas (DGPES), Beatriz Bezerra Menezes Souza Gaspar, que desejou sucesso e boas vindas aos novos integrantes do Judiciário fluminense.

"Vocês são o rescaldo da chamada que eu fiz há dois anos. A responsabilidade dos senhores é muito grande, pois estão vindo trabalhar no melhor tribunal do país", afirmou o presidente do TJ, que fez questão de entregar, pessoalmente, a cada um dos convocados, o ato de posse.

Ele lembrou que o TJ/RJ está cada vez mais se esmeirando em agilizar os processos e os novos servidores fazem parte desta fase porque não adianta ter um bom juiz se não existirem, no cartório e gabinete, bons funcionários trabalhando junto com ele. O desembargador Luiz Zveiter afirmou ainda que o Tribunal está mais humanizado devido à presença maciça das mulheres. "Nós temos os melhores servidores do Estado", completou o presidente.

"A nossa ideia é sempre mantê-los atualizados e, por isso, estamos aumentando o espaço da Escola de Administração Judiciária, que continuará oferecendo cursos permanentes. Não deixem, então, de estudar", sugeriu o desembargador aos novos integrantes do TJ/RJ. Ele disse ainda que, em 2011, será o decano do TJ e que continuará a defender os interesses dos magistrados e dos servidores.

Carreira promissora

Para Gedeão Pereira Cardoso, aprovado para o cargo de técnico judiciário, ter vindo para o TJ/RJ é a realização de um sonho e representa a oportunidade de seguir uma carreira promissora. "Além do ganho financeiro e da estabilidade que o cargo proporciona, é interessante trabalhar num lugar onde poderemos ajudar as pessoas e contribuir também para a Justiça. Pretendo, no entanto, continuar a estudar", contou.

"Estou extremamente feliz em fazer parte agora do TJ/RJ, onde já advogava antes. Espero poder desempenhar o cargo de analista judiciário de maneira exemplar. As expectativas são, então, as melhores possíveis", disse o advogado Márcio Arruda de Souza.

É o que também espera a professora de Português do Estado, Kellen Lima Escocard, que comentou estar muito animada em trabalhar no Tribunal. "Não tenho experiência no judiciário, mas estou disposta a aprender rápido tudo o que diz respeito à Justiça fluminense", afirmou.

_______________
____________

Fonte : TJ/RJ

_______________

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 1/10/2010 14:21