terça-feira, 24 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Coronavírus

Nefi Cordeiro nega domiciliar a presos do DF incluídos no grupo de risco

O ministro mencionou que, segundo o TJ/DF, não há omissão das autoridades locais que justifique a concessão de prisão domiciliar de forma indiscriminada.

terça-feira, 14 de abril de 2020

O ministro Nefi Cordeiro indeferiu o pedido da Defensoria Pública do DF para colocar em prisão domiciliar todos os presos acima de 18 anos incluídos no grupo de risco do novo coronavírus - entre eles, idosos e pessoas com certas doenças. O ministro mencionou que, segundo o TJ/DF, não há omissão das autoridades locais que justifique a concessão de prisão domiciliar de forma indiscriminada.

t

O habeas corpus foi impetrado no STJ após o TJ/DF negar liminar para a mesma finalidade. A Defensoria argumentou que as autoridades não teriam efetivado as medidas necessárias para conter a pandemia no cárcere - objeto da recomendação 62/20, do CNJ.

No pedido, a DP ressaltou a necessidade da prisão domiciliar, diante da maior vulnerabilidade apresentada pelas pessoas do grupo de risco e da grande probabilidade de disseminação da doença nos estabelecimentos prisionais.

O ministro Nefi Cordeiro afirmou que a súmula 691 do STF impede a admissão de habeas corpus contra decisão de relator que negou a liminar na instância antecedente - o que só poderia ser contornado em caso de ilegalidade flagrante.

Segundo ele, a decisão do TJ/DF que indeferiu a liminar foi fundamentada no fato de que as autoridades locais estão adotando medidas para proteger a saúde dos presos, como a suspensão de visitas, ampliação do banho de sol, isolamento de idosos, imposição de quarentena para os recém-chegados ao sistema e fortalecimento da higienização dos ambientes. Além disso, os presos gozam de atendimento prioritário nas unidades de saúde do DF.

De acordo com Nefi Cordeiro, a crise mundial de covid-19 traz ainda maior risco para as pessoas encarceradas. "A concentração excessiva, a dificuldade de higiene e as deficiências de alimentação, naturais ao sistema prisional, acarretam seu enquadramento como pessoas em condição de risco", afirmou o ministro.

Veja a decisão.

____________

Para que o leitor encontre as notícias jurídicas específicas sobre coronavírus, reunimos todo o material em um site especial, constantemente atualizado. Acesse: www.migalhas.com.br/coronavirus

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 14/4/2020 11:11

LEIA MAIS