terça-feira, 1 de dezembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Curso

Instituto Brasileiro de Ensino de Direito Médico e da Saúde abre as inscrições da primeira turma do Curso "Direito Médico na Prática: Da teoria à advocacia"

O curso consiste em apresentar o conceito e o universo do Direito Médico e da Saúde, suas principais abordagens, relevância, âmbitos de atuação e sua interdisciplinaridade.

terça-feira, 13 de outubro de 2020

O Instituto Brasileiro de Ensino de Direito Médico e da Saúde abre as inscrições da 1ª turma do Curso "Direito Médico na Prática: Da teoria à advocacia", que consiste em apresentar o conceito e o universo do Direito Médico e da Saúde, suas principais abordagens, relevância, âmbitos de atuação e sua interdisciplinaridade.

Além disso, os diretores do IBEDIM buscam levar seus conhecimentos teóricos e práticos de muitos anos de atuação nessa área do Direito, para que os alunos adquiram conhecimentos teóricos e práticos aprofundados, para direcionamento e iniciação de suas carreiras nesta seara. Inclusive com discussão de cases, confecção de peças jurídicas e documentos médico-legais para o cuidado bioético na prestação de serviços em saúde, levando dignidade, humanização e segurança para pacientes e profissionais de saúde.

Aos advogados que já possuem familiaridade com esse fértil ramo, a proposta do Curso é a de fomentar ainda mais seus conhecimentos teóricos e práticos, maximizando o valor dos seus serviços, com a ampliação dos benefícios de sua advocacia e interação com os clientes.

O Direito Médico e da Saúde não faz parte da grade curricular dos cursos de graduação. Por isso, há ainda poucos advogados (as) que atuam na área com expertise e que dominam o assunto com maestria. Somado a isso, a demanda jurídica que envolve a saúde é enorme, pois contempla a judicialização da saúde e da medicina, litígios por falta de acesso aos tratamentos/procedimento e medicamentos nas Redes Privada e Pública, atuação nos Conselhos Profissionais (CRM e CRO, por exemplo), serviços consultivos de gerenciamento de riscos, compliance, sem prejuízo de tantas outras situações que impõem a intervenção do Direito, como a elaboração de um plano jurídico em benefício de médicos e de hospitais, para adequação às normas da Telemedicina e da LGPD. Há, ainda, novos conflitos que eclodiram com a pandemia e que trouxeram o Direito da Saúde para o foco das atuais questões que envolvem os direitos dos pacientes, os deveres dos profissionais de saúde e a própria humanização e acolhimento adequados na prestação do serviço.

Logo, esse imenso mercado está precisando de profissionais especializados e que saibam tratar dos temas elencados, pois trabalha-se com a dignidade, vida e integridade psicofísica das pessoas.

Os diretores científico e executivo do IBEDIM, Giovanna Trad (Trad & Cavalcanti Advogados) e Tertius Rebelo, respectivamente, que atuam com exclusividade nesta seara há mais de treze anos, relatam que as oportunidades de trabalho são amplas, tanto na perspectiva da advocacia contenciosa quanto na aplicação da advocacia consultiva e mediação.

O curso compreende sete módulos, com "Noções introdutórias ao Direito Médico e à advocacia na área", "Responsabilidade Civil médica", "Responsabilidade civil das Instituições de Saúde", "Aplicação da Bioética nos serviços de saúde", "Direito Médico na prática (petição inicial, contestação, perícia, quesitação, etc.)", "Advocacia Preventiva e Responsabilidade ético-profissional", totalizando mais de nove horas-aula.

Há ainda várias bonificações, com palestras de Judicialização na Ginecologia e Obstetrícia e Pediatria, modelos de documentos médicos, aula de marketing jurídico, e outros benefícios.

Os professores Tertius Rebelo, Luciana Dadalto e Giovanna Trad integram o corpo docente do Curso "Direito Médico na Prática: Da teoria à advocacia".

As inscrições da primeira turma estão abertas, mas por tempo limitado, clique aqui.

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 13/10/2020 07:40