quinta-feira, 26 de novembro de 2020

MIGALHAS QUENTES

Publicidade

Súmulas aprovadas pela Segunda Seção do STJ

Confira as novas Súmulas

segunda-feira, 3 de maio de 2004

 

Novas Súmulas

 

Confira abaixo as novas Súmulas aprovadas pela Segunda Seção do STJ (Seção de Direito Privado composta pela Terceira e Quarta Turmas).

 

Projeto 591 - Nos contratos bancários posteriores ao CDC incide a multa moratória nele prevista.

 

Projeto 593 - A indenização por dano moral não está sujeita à tarifação prevista na Lei de Imprensa.

 

Projeto 598 - A Taxa Básica Financeira - TBF não pode ser utilizada como indexador de correção monetária nos contratos bancários.

 

Projeto 599 - As empresas administradoras de cartão de crédito são instituições financeiras e, por isso, não sofrem a limitação da Lei de Usura.

 

Projeto 600 - A purga da mora, nos contratos de alienação fiduciária, só é permitida quando já pagos pelo menos 40% (quarenta por cento) do valor financiado.

 

Projeto 604 - Cabe a citação por edital em ação monitória.

 

Projeto 605 - A Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) pode ser utilizada com o indexador de correção monetária nos contratos bancários.

 

Projeto 607 - A renegociação do contrato bancário ou a confissão da dívida não impede a discussão sobre eventuais ilegalidades dos contratos anteriores.

 

Projeto 613 - Nos planos de previdência privada, não cabe ao beneficiário a devolução da contribuição efetuada pelo patrocinador.

 

Projeto 614 - A restituição das parcelas pagas a plano de previdência privada deve ser objeto de correção plena, por índice que recomponha a efetiva desvalorização da moeda.

 

Projeto 618 - A ação de cobrança de parcelas de complementação de aposentadoria pela previdência privada prescreve em cinco anos.

 

_________________________

 

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 3/5/2004 08:13